BI na Área de Logística – O que Significa e quais as Aplicações

bi na área de logística

O conceito de Business Intelligence (BI), quando implementado na área de logística de uma empresa, traz consigo uma série de aplicações na área da gestão, fazendo os processos se tornarem mais organizados, otimizados e assertivos.

Você sabe das implicações do Business Intelligence aplicado no setor logístico? Nos tópicos a seguir, apresentaremos em maiores detalhes o que significa a implementação deste conceito em um empreendimento e quais aplicações ele proporciona para o gerenciamento do negócio. Acompanhe a leitura e confira.

 

O que significa o BI na área de logística?

A ideia central do Business Intelligence diz respeito ao processo de agrupamento, organização, acompanhamento e análise das informações relacionadas ao setor administrativo de uma empresa. O BI fornece, portanto, um suporte para o gerenciamento de um negócio, melhorando o processo de tomada de decisões.

Quando implementado na área de logística, o BI significa uma melhora relevante em relação aos processos, otimizando-os e tornando-os mais ágeis e eficientes. Com a aplicação do BI, os gestores têm um panorama aperfeiçoado em relação a tudo que ocorre no setor logístico, como as cadeias de suprimento (supply chain) e os dados referentes aos fornecedores da empresa, por exemplo.

Ou seja, com o BI, é possível adotar um monitoramento completo de tudo o que envolve a parte logística, ampliando as possibilidades do setor e oferecendo dados confiáveis e detalhados sobre as operações.

 

Aplicações do BI na logística

Em relação às aplicações que são proporcionadas pelo BI no setor logístico, destaca-se a identificação de eventuais falhas e atrasos que podem comprometer toda a cadeia de suprimentos e a gerência dos processos da empresa.

Com a organização, o acompanhamento e a documentação assertiva das informações, a partir do BI, os gestores conseguem ter um conhecimento maior em relação às movimentações na área logística, diminuindo o número de atrasos e aumentando o cumprimento dos prazos. Com isso, tanto a empresa quanto os clientes e fornecedores ganham, uma vez que os processos se tornem bem mais inteligentes e eficazes.

Outra aplicação do BI na área de logística é o acompanhamento em tempo real das informações e dos procedimentos gerenciais: com a devida segurança proporcionada pelo uso de um software, por exemplo, os profissionais acessam esses dados no momento em que quiserem, economizando papel e tempo.

Com isso, também se torna mais fácil direcionar os esforços da equipe para os setores da empresa que precisam de atenção, como a parte do atendimento.

Por meio do BI, também é possível otimizar as rotas de transporte logístico. Por meio dos dados em relação aos custos envolvidos em cada trajeto e o tempo gasto em cada operação, o setor administrativo da empresa consegue traçar os melhores roteiros para agilizar as entregas e torná-las mais baratas.

Em relação ao controle da gestão financeira do setor logístico, o BI traz a vantagem de otimizar o controle em relação ao fluxo de caixa, todas as quantias e recursos que entram e saem da empresa. Todas as informações relacionadas aos motoristas, aos equipamentos, à infraestrutura, ao custo dos combustíveis, à manutenção dos veículos, aos pedágios, entre outros pontos, são mais bem gerenciadas com o advento do Business Intelligence.

Quer levar o melhor sistema de roteirização para sua empresa, gerando economia de tempo e dinheiro? Então, descubra como o Reasy vai fazer a diferença. Em breve, o Blog do Reasy irá trazer mais novidades para você. Até a próxima!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *